Bibliografias seta DOMINGUES, Ângela

Livros
When the Amerindians were Vassals. Colonization and Power Equations in Northern Brazil (1750-1800), TransBooks, New Delhi, 2007, 348 pp.

Portugal e Brasil. Contactos, confrontos e encontros durante os primeiros anos da presença portuguesa no Novo Mundo, edições complementares das séries de moedas comemorativas dos Descobrimentos Portugueses, Imprensa Nacional- Casa da Moeda, Lisboa, 1999 (edição bilíngue português/inglês), 117 pp..

Quando os índios eram vassalos. Colonização e relações de poder no Norte do Brasil da segunda metade do século XVIII, Lisboa, Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses, 2000, 388 pp.

Viagens de exploração geográfica na Amazónia em finais do século XVIII: política, ciência e aventura, Centro de Estudos de História do Atlântico, Funchal, 1991, 99 pp.

Artigos, capítulos de livros e artigos de dicionários
“Viagens e viajantes europeus e descrições do Brasil: a correspondência de Leopoldina e o paradisíaco Brasil” in As ciências no Brasil no período joanino, Fundação Oswaldo Cruz, 15 pp. (no prelo).

“The Portuguese Discoveries and their influence on European Medicine” in Actas do Workshop Plantas medicinais e práticas fitoterapêuticas nos trópicos, Lisboa, IICT, 14 pp. (ISBN 978-972-672-982-2) http://www2.iict.pt/archive/doc/A_Domingues_wrkshp_plts_medic.pdf

“Um “dever sagrado” ou uma “amarga política”?: o paradisíaco Brasil de Leopoldina” in Anais de História de Além-Mar, vol. IX, 2008, 21 pp. (no prelo).

“Porque ao mundo veio para castigo um dilúvio de Diccionários e de Jornaes”: a imprensa ilustrada e a missão de D. João, Príncipe do Brasil” in Actas do 200e Anniversaire de l’arrivée de la famille royale portugaise au Brésil, 20 pp.(no prelo).

“Conduzir os povos à felicidade e ao bem-comum: D. João, príncipe do Brasil,e a avaliação da missão real na imprensa ilustrada” in Actas do Congresso Internacional 1808-A corte no Brasil, Nitéroi, Universidade Federal Fluminense, 19 pp. (no prelo).

“D. João, príncipe esclarecido e pai dos povos, e a fundação das colónias sueca de Sorocaba e suíça de Nova Friburgo” in A abertura dos portos, Organização de Luís Valente de Oliveira e Rubens Ricupero, São Paulo, Editora Senac, 2007, p. 122-147.

“Régulos e absolutos: episódios de multiculturalismo e intermediação no Norte do Brasil (meados do século XIX)” in Império de várias faces – Relações de poder no mundo ibérico da Época Moderna,Organização de Ronaldo Vainfas e Rodrigo Bentes Monteiro, São Paulo, Editorial Alameda, 2009, pp. 119-138.

“Contrabando de informações. Relatos clandestinos de marinheiros, flibusteiros e cientistas europeus foram fundamentais para a divulgação de conhecimentos sobre o Brasil no século XVIII” in Revista de História da Biblioteca Nacional, Ano 1, nº 12, Setembro 2006, p. 63-67; também em http://www.revistadehistoria.com.br/v2/home/?go=detalhe&id=96

«Notícias do Brasil colonial: a imprensa científica e política ao serviço das elites (Portugal, Brasil e Inglaterra)» in Vária História, vol. 22, nº 35, Janeiro-Junho de 2006, pp. 150-174.

Comunicação de encerramento e moderação do Painel A organização dos investigadores. Sessão de encerramento” in Actas do Congresso Internacional O espaço atlântico de Antigo regime: poderes e sociedades”pp.10-12 http://www.instituto-camoes.pt/cvc/eaar/coloquio/apres_espacoatlantico.pdf

«Notícias do Brasil colonial: a imprensa científica e política ao serviço das elites (Portugal, Brasil e Inglaterra)» in Vária História, vol. 22, nº 35, Janeiro-Junho de 2006, pp. 150-174.

Comunicação de encerramento e moderação do Painel A organização dos investigadores. Sessão de encerramento” in Actas do Congresso Internacional O espaço atlântico de Antigo regime: poderes e sociedades”pp.10-12 http://www.instituto-camoes.pt/cvc/eaar/coloquio/apres_espacoatlantico.pdf

Também em http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-01882008000100007&lng=es&nrm=iso ; também em Revista do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro a. 169 | n. 439 | abr./jun. 2008.

«O Brasil nos relatos de viajantes ingleses do século XVIII: produção de discursos sobre o Novo Mundo» in Revista de História Brasileira de História, volume 28, número 55, Julho/2008, p.133-152.

Em colaboração com Ana Cannas, Conceição Casanova e Pedro Pina Manique, «É preciso sabermos ter memória!» in Jorge Braga de Macedo (org.), Jorge Borges de Macedo: «Saber continuar». A experiência histórica contemporânea. Comemorações do legado bibliográfico, Lisboa, Ministério dos Negócios Estrangeiros, Instituto Diplomático, 2005, pp. 169-191.

«Imprensa científica e a imagem do Brasil colonial: a análise de dois casos» in o reino, o mar e as ilhas. Estudos de Homenagem a Artur Teodoro de Matos, Lisboa e Ponta Delgada, Centro de História de Além-Mar e universidade dos Açores, 2007 vol. II, pp. 905-931.

«An Enlightened Governor in Portuguese Amazonia: D. Francisco Maurício de Sousa Coutinho (1780-1803) in Imperial Careers in the Making during the Early Modern Period (Florence: Leo S. Olschki) (no prelo).

«Os descobrimentos portugueses e a sua influência na medicina europeia» in Revista CAR-Clube de Anestesia Regional, Março 2004, p. 6-14. Também em www.anestesiaregional.com

«D. João III e a formação do Brasil» in D. João III e o Mar. Ciclo de Conferências, Lisboa, Academia de Marinha, 2003, pp. 51-69.

«D. Francisco de Sousa Coutinho, governador do Estado do Grão Pará e Maranhão» in Fronteiras – Cadernos de Cultura da Fundação das Casas de Fronteira e Alorna, nº 4 (no prelo).

«Em nome de reis, colonos e piratas: o papel dos intérpretes no Brasil em inícios do século XVI» in D. João III e o Império. Congresso Internacional comemorativo do seu nascimento de D. João III, organização de Roberto Carneiro e Artur Teodoro de Matos, Lisboa, Centro de História de Além-Mar e Centro de Estudos dos Povos e Culturas de Expressão Portuguesa, 2004, p. 565-573; Também em in D. João III e a formação do Brasil, Centro de Estudos dos Povos e Culturas de Expressão Portuguesa da Universidade Católica portuguesa, Colecção de Estudos e Documentos, Lisboa, 2004.

«Circulação de informação de natureza científica no Império Português em finais de setecentos» in O domínio da distância. Comunicação e cartografia, coordenação de Maria Emília Madeira Santos e Manuel Lobato, Lisboa, História e Cartografia, DCH, IICT, 2006, p.71-75.

«Um Brasil desconhecido: viagens científicas e divulgação cartográfica» in Catálogo da Exposição A Nova Lusitânia. A cartografia setecentista do Brasil nas colecções da Biblioteca Nacional, Lisboa, Comissão Nacional para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses, 2001.

«Para um melhor conhecimento dos domínios coloniais: a constituição de redes de informação no Império Português em finais de Setecentos» in História, Ciências e Saúde – Manguinhos, vol. VIII, Supl. 2001, p. 823-838; Também em Ler História, nº 39, 2000. http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-59702001000500002

«Os índios e a defesa das fronteiras no Norte do Brasil durante a segunda metade de Setecentos» in V Jornadas Hispano-Portuguesas. En la ruta de los Descubrimientos: de las Americas al Oriente (no prelo).

«O conhecimento da natureza no Tesouro descoberto do rio Amazonas do padre João Daniel» in Actas do Colóquio Internacional 'De Cabral a Pedro I', Porto, Universidade Portucalense Infante D. Henrique, 2001.

«Furtado, Francisco Xavier de Mendonça», biografia do projecto Trajectórias luso-brasileiras, da CNCDP, publicado in O Público e Folha de S. Paulo.

«Conhecimento científico e redes de informação no Império Português na segunda metade do século XVIII» in Boletim HFCT- História e Filosofia da Ciência e da Técnica (no prelo).

«O reconhecimento do 'rio grande': as primeiras viagens de espanhóis e portugueses pelo país das Amazonas» in Actas do Congresso Luso-brasileiro «Portugal- Brasil: memórias e imaginários», Lisboa, Grupo de Trabalho do Ministério de Educação para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses, 2000.

«Famílias portuguesas na colonização do Norte brasileiro» in Actas do Colóquio Internacional Sexualidade, família e religião na colonização do Brasil, organização de Maria Beatriz Nizza da Silva, Lisboa, Livros Horizonte, 2001.

«Arquivos portugueses e história da Amazónia durante o período colonial» in Actas do I Seminário Internacional sobre Fontes Documentais para a História do Brasil Colonial (no prelo).

«Viagens e descobrimentos no rio das Amazonas» in Anais da XVIII Reunião da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1998.

«Mulheres e história da colonização luso-brasileira na Amazónia: um ensaio» in Anais da XVIII Reunião da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1998.

«Os conceitos de guerra justa e resgate e os ameríndios do Norte do Brasil» in Actas do Colóquio Internacional Brasil: colonização e escravidão, Rio de Janeiro, Editora Nova Fronteira, 2000.

«Ameríndios do Norte do Brasil na segunda metade do século XVIII: as contradições da liberdade» in Revista da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, nº 12, 1997.

«O Brasil de Maximiliano de Wied-Neuwied ou as aventuras de um príncipe alemão em território brasileiro» in Oceanos, nº 24, 1995.

«The education of Indian children in the North of Brazil during the second half of the 18 th century» in Proceedings of the American Indian Workshop (no prelo).

«A educação dos meninos índios no Norte do Brasil na segunda metade do século XVIII» in Maria Beatriz Nizza da Silva (organização), Cultura Portuguesa na Terra de Santa Cruz, Editorial Estampa, Lisboa, 1995.

«Comunicação entre sociedades de fronteira: o papel do intérprete como intermediário nos contactos entre iberoamericanos e ameríndios na Amazónia de finais do século XVIII» in Actas da VIII Reunião Internacional de História da Náutica e da Hidrografia, Cascais, Patrimónia, 1998.

«O papel do índio como língua/intérprete entre sociedades ameríndias e luso-brasileiras no Norte do Brasil em finais do século XVIII», in Revista da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, nº 10, Curitiba, 1995.

Artigos do Dicionário de História da Colonização Portuguesa no Brasil: «Drogas do sertão», «Alexandre Rodrigues Ferreira», «Francisco Xavier de Mendonça Furtado», «Estado do Grão-Pará e Maranhão», «Capitania do Pará», «Capitania de S. José do Rio Negro», «Tratados de limites», «Viagens científicas», Editorial Verbo, Lisboa, 1994.

«Um novo conceito de ciência ao serviço da Razão de Estado: a viagem de Alexandre Rodrigues Ferreira ao Noroeste brasileiro» in Anais Hidrográficos. VII Reunião Internacional de História da Náutica e da Hidrografia, Tomo XLIX (suplemento), 1992.

«Juízes e réus: os meandros da (in)justiça no Fogo (1513-1561) in Revista Internacional de Estudos Africanos, (14-15), 1991.

«Uma viagem pelo sertão brasileiro em finais do século XVIII» in Portugal no século XVIII. De D. João V à Revolução Francesa, Lisboa, Sociedade Portuguesa de Estudos do século XVIII, 1991.

«Viagens científicas de exploração à Amazónia em finais do século XVIII» in Ler História, ISCTE, (19), 1990.

«Subsídios para a História Geral de Cabo Verde: o aparelho judicial em Santiago» in Studia, Centro de Estudos de História e Cartografia Antiga, Instituto de Investigação Científica Tropical, (50), 1991.

Artigos do Dicionário de História dos Descobrimentos Portugueses: «Jorge de Albuquerque», «André do Campo», «António do Campo», «Paulo Rodrigues da Costa», «Lisboa», «D.Duarte de Meneses», «Nuno da Silva», «Sebastião Simões», «André de Vasconcelos», «António Vicente», «António Vaz», «Pero Vaz», «Pero Vaz do Amaral», «Pero Vaz, o Roxo», «Manuel Veloso», «Afonso Gonçalves de Viana», «Martim Vicente», «Fernão Vicente», «Sebastião Vogado», Círculo dos Leitores, Lisboa, 1994.

«As navegações portuguesas no Atlântico Sul» (no prelo).

Transcrições Paleográficas
Boletim da Filmoteca Ultramarina Portuguesa, colaboração na sumariação de dois códices, Centro de Estudos de História e Cartografia Antiga, Instituto de Investigação Científica Tropical, nº 50, Lisboa, 1993.

Co-autora de História Geral de Cabo Verde. Corpo documental, dirigido por Maria Emília Madeira Santos e Luís de Albuquerque, vol. I, Lisboa, Instituto de Investigação Científica Tropical/Direcção Geral do Património Cultural de Cabo Verde, 1988.

Chancelarias Portuguesas. D. Duarte, vol. II, transcrição paleográfica, Centro de Estudos Históricos da Universidade Nova de Lisboa, Lisboa, 1999.

Artigos em Blogues
”Viagens científicas e “elites do conhecimento”: polivalência e mobilidade ao serviço do Império colonial” in Blogue História Lusófona, 4 pp. http://www2.iict.pt/?idc=102&idi=14633

“O mundo que o português criou ou relações imprevisíveis entre “colonos” e “colonizados”?” in Blogue História Lusófona, 6 pp. http://www2.iict.pt/?idc=102&idi=12913

“D. João VI e as Comemorações dos 200 Anos” in Blogue História Lusófona http://www2.iict.pt/?idc=102&idi=12582

“Blogue de História Lusófona: balanço do primeiro mês” in Blogue História Lusófona (http://www2.iict.pt/?idc=128)

“História Lusófona” Nota editorial do blogue História Lusófona (http://www2.iict.pt/?idc=127 e também em Miguel Jasmins Rodrigues (org.), Futuro e História da Lusofonia Global, Lisboa, IICT, 2008, p. 151-152).

Em colaboração com Miguel J. Rodrigues, Espaço atlântico de Antigo Regime (1) Reforma dos Laboratórios de Estado. Blogue sobre o futuro do IICT (www. iict.pt e também em Miguel Jasmins Rodrigues (org.), Futuro e História da Lusofonia Global, Lisboa, IICT, 2008, p. 134-137).

Promover a aproximação entre as Competências Nucleares MEM e PAT, Reforma dos Laboratórios de Estado. Blogue sobre o futuro do IICT (www. iict.pt e também em Miguel Jasmins Rodrigues (org.), Futuro e História da Lusofonia Global, Lisboa, IICT, 2008, p. 105-107.

Recensões críticas
Reedição de fontes para quê? Algumas reflexões em torno de um roteiro de viagem pela Amazónia luso-brasileira. Recensão crítica à obra de NORONHA, José Monteiro de, Roteiro da viagem da cidade do Pará até às últimas colónias do sertão da província (1768), introdução e notas de António Porro, São Paulo, Editora da Universidade de São Paulo, Colecção Uspiana, 2006, 112 pp. Publicada no Boletim do Museu Paraense Emílio Goeldi, Ciências Humanas, vol. 4, nº 1, p. 405-6, Janeiro-Abril 2009.

Recenção crítica ao livro de Luiz Filipe de Alencastro, O trato dos viventes. Formação do Brasil no Atlântico Sul. Séculos XVI e XVII, São Paulo, Companhia das Letras, 2000, (versão inglesa) publicada in e_journal of Portuguese History, vol. 2, nº 2, Winter 2004. pp. 1-6. http://www.brown.edu/Departments/Portuguese_Brazilian_Studies/ejph

Recensão crítica ao livro de Luiz Filipe de Alencastro, O trato dos viventes. Formação do Brasil no Atlântico Sul. Séculos XVI e XVII, São Paulo, Companhia das Letras, 2000, publicada in Anais de História de Além-Mar, vol. II, 2001.

Recensão crítica ao livro de Maria Beatriz Nizza da Silva, A cultura luso-brasileira. Da reforma da Universidade de Coimbra à independência do Brasil, Lisboa, Editorial Estampa, 1999, publicada in Revista de Ciências Históricas, XIV, Porto 1999; e in Revista de Ciências Históricas e Camões. Revista de Letras e Culturas Lusófonas (no prelo).

Recensão crítica ao livro de Maria Beatriz Nizza da Silva, História da Família no Brasil Colonial, Rio de Janeiro, Nova Fronteira, 1998 in Ler História, nº 36, 1999; in Revista da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, nº 15, 1999; e in LPH-Revista de História, nº 8, 1998-1999.

Recensão crítica ao livro de Maria Beatriz Nizza da Silva, A vida Privada e o Quotidiano no Brasil na Época de D. Maria I e D. João VI, Lisboa, Editorial Estampa, 1993 in Ler História, nº29, 1995.



  Enviar a um amigo Enviar a um amigo Imprimir Imprimir