Antropónimos seta HOMEM, Heitor

Em 1436, partiu com Afonso Gonçalves de Baldaia com destino ao rio do Ouro onde, juntamente com Diogo Lopes de Almeida, ajudou a explorar o sertão. Gomes Eanes de Zurara, na Crónica da Guiné, afirma tê-lo conhecido mais tarde, já fidalgo. Em 1445, um Heitor Homem, escudeiro da casa do infante D. Henrique, exercia o cargo vedor das obras dos castelos, vilas e lugares da comarca da Beira. Contudo, não se pode afirmar com certeza que se tratava do mesmo indivíduo.

Bibliografia:
ZURARA, Gomes Eanes de, Crónica dos feitos notáveis que se passaram na conquista de Guiné por mandado do infante D. Henrique, 2 vols., Lisboa, Academia Portuguesa de História, 1973-1981. SOUSA, João Silva de, A Casa Senhorial do Infante D. Henrique, Livros Horizonte, Lisboa, 1991.

Autor: Teresa Lacerda


  Enviar a um amigo Enviar a um amigo Imprimir Imprimir