Antropónimos seta GIL, Leonel

Moço de câmara do infante D. Henrique e filho de Gil Eanes. Fez parte da armada de Lançarote de Lagos de 1445, que tinha como principal missão vingar a morte de Gonçalo de Sintra na ilha de Tider, em 1444. Juntamente com Pêro Alemão, Gil Gonçalves e outros tripulantes da armada, participou no desembarque a esta ilha onde morreram 20 nativos e foram feitos 17 prisioneiros. Em 1446, um Leonel Gil, escudeiro do infante D. Henrique e mais tarde seu cavaleiro, exercia o cargo de escrivão das sisas de Lagos. João Silva de Sousa, afirma que após a morte do Infante este Leonel Gil passou para a Casa do rei. É provável que estes factos digam respeito a um mesmo indivíduo.

Bibliografia:
SOUSA, João Silva de, A Casa Senhorial do Infante D. Henrique, Livros Horizonte, Lisboa, 1991. ZURARA, Gomes Eanes de, Crónica dos feitos notáveis que se passaram na conquista de Guiné por mandado do infante D. Henrique, 2 vols., Lisboa, Academia Portuguesa de História, 1973-1981.

Autor: Teresa Lacerda


  Enviar a um amigo Enviar a um amigo Imprimir Imprimir