Antropónimos seta NAVARRO, Pedro Paulo (1559-1622)

Religioso da Companhia de Jesus que trabalhou especialmente no Japão. Nasceu em Laino, Calábria, em 1559, e faleceu em Tamura, Shimabara, a 1 de Novembro de 1622. Entrou para a Companhia em Nápoles, em 1578. Partiu para a Índia em 1584; foi aí ordenado sacerdote e seguiu para Macau. Chegou ao Japão em 1586. Em 1598 estava em Bungo. Tornou-se professo de 4 votos em Nagasáqui, em 1601. Esteve em Yamaguchi, em 1601, mas depois regressou a Bungo onde trabalhou desde 1602 até 1614, tendo sido o superior dos missionários em actividade nessa província durante muito tempo. Em 1613 foi obrigado a residir em Notsu, por força da perseguição. Em Novembro de 1614 permaneceu clandestinamente no Japão. Em Maio de 1619 foi nomeado reitor do Takaku; foi aprisionado a 25 de Dezembro de 1621, sendo visitado frequentemente por João Baptista Zola, que esteve com ele três vezes, nos últimos cinco dias. Foi queimado vivo. Na clandestinidade terá mudado o seu nome para Queyan. Conhecia muito bem a língua japonesa e foi autor de vários trabalhos em japonês.

Bibliografia:
COSTA, João Paulo Oliveira e, O Cristianismo no Japão e o Episcopado de D. Luís de Cerqueira, dissertação de doutoramento em História apresentada à Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, Lisboa, 1998 (texto fotocopiado). Monumenta Historica Japoniae, dir. de Josef Franz Schütte S. J., Roma, Institutum Historicum Societatis Iesu, 1975.

Autor: Helena Rodrigues